Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Quem sai aos seus

Um blogue para a Madalena, para a Teresa e para a Francisca.

Tudo o que pensei na reunião de pais e não tenho onde dizer


Sempre que a Quica começa uma nova etapa, a mãe despede-se de qualquer coisa da infância e descubro que já não vai haver hipótese de fazer melhor. Como ela e as irmãs tiverem feito é como vai ficar. Dá pena. Por saber isto, parece que dá mais vontade de absorver tudo o que acontece. Ontem, ela estreou-se como primeiro-anista e se pudesse partilhava a foto da turma. Estão tão sorridentes, tão confiantes, tão perfeitos (até na timidez de uns quantos).

 

Isso só foi possível porque foram criados a mimos, gargalhadas, sermões, desenhos, avé-marias e pais nossos, brincadeiras na casinha e o enorme desejo de um dia poder ir brincar livremente "para o campo".



Dizem que quando somos pais repetimos coisas felizes da nossa infância. Eu fui muito feliz na escola e com as minhas professoras (elas mal imaginam o impacto enorme que tiveram na minha vida) e procuro semelhante para as minhas filhas.

 

Os professores a auxiliares dos nossos filhos também parecem viver sem imaginar como são importantes. Na correria dos dias, pode não parecer, mas sei que tudo seria muito diferente sem as gargalhadas roucas da Mercês, sem a organização da Benedita - tão boa para a Quica (e até para mim) -, sem o carinho da Inês, sem a classe da Teresa, sem a orientação da Mafalda, sem a Rita, a Guida, a Maria João, a Isabel (e até me devo estar a esquecer de alguém).

 

Esse capítulo chamado pré-escolar, que durou oito anos consecutivos, fechou-se, em definitivo, ontem. Naquele instante em que a câmara fez clique, o 1.º ano começou. Naquelas carinhas está escrito que têm tudo para que isto corra bem. Tenho um pouco de vergonha de dizer isto à vista de todos, mas sou grata e acho que o mundo inteiro deve sabê-lo. Obrigada.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D