Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quem sai aos seus

Um blogue para a Madalena, para a Teresa e para a Francisca.

Tudo a postos

Finalmente, temos tudo pronto, ou quase, para a chegada da Teresa. As roupinhas lavadas e arrumadas, a primeira muda escolhida, a mala da maternidade semi-pronta e o quarto em vias de poder receber a pequenita, o berço montado. Se fosse amanhã, não seria dramático, mesmo para os meus padrões (e apesar de não encontrar a capa do ovinho Maxicosi em lado nenhum que me dê jeito).

Pode haver quem goste de viver no improviso, mas não esta mãe. O que só me faz pior. Em vez de relaxar, não. Stresso. Uma autêntica pescadinha de rabo na boca: quanto mais stress, mais contracções. Quanto mais contracções, mais me mexo porque acho que o parto está iminente...
É triste, mas já desisti de tentar entender essa entidade alienígena que é o meu cérebro.

Fisicamente, sinto-me a princesa Fiona, mas em mau. Que desgosto... Bem sei que há coisas piores e continuo a gostar de estar grávida, mas... por favor...

 

34 semanas

Não sei as outras bimamãs, mas eu achava que à segunda barriga ia saber tudo. Afinal, de há uns tempos para cá, além de ser diferente é tudo totalmente novo. Por onde começar? Primeiro, as contracções malucas aos seis meses. Nunca tinha sentido tal coisa! Ou melhor, Braxton Hicks sim, apertos seguidos e fortes não. Agora, os pés e as mãos tão, tão... Vou abster-me de descrições demasiado gráficas. Estou desgostosa. Mesmo. Não é que não goste de estar grávida, mas não encontro a posição...

Dêem-me o prémio "Mãe de Praia 2010" já

- Em três dias de praia já a levei à Costa de Caparica duas vezes. É justo. Fica-me mais perto do que atravessar a 2.ª Circular em plena hora de ponta. Chegámos ao mesmo tempo que o autocarro no primeiro dia, bem antes no segundo.

 

- Deve ser por causa disto que me escapou esse grande momento que é os pais despedirem-se dos filhos na escola e depois ficarem à porta, junto aos autocarros, à espera que os meninos entrem para lhes dizer adeus. God! Que coisa mais parva de se fazer... Acho que a minha própria mãe só me fez isso uma vez, foi no 9.º ano e ia uma semana de excursão com a escola para Paris.
No primeiro dia voltei as costas sem apelo nem agravo, meti-me no carro e vim embora,fazendo de conta que não estava a perceber o que se estava a passar. Hoje, confesso, ia a caminho do carro e bateu-me aquela coisa: "E se a Madalena fica traumatizada porque a mamã dela lhe vira as costas e não diz adeus quando ela parte no autocarro para uma viagem de 30 minutos até à praia?". Qual PT/Vivo/Telefónica, qual futuro de Carlos Queiroz, esta é que é a grande questão a actualidade.

Tomada por uma avassalador sentimento de culpa, hoje acabei por ficar a dizer adeus a um vidro fosco. A Madalena de pé no banco, coitada, a dizer-me adeus com ar de "mas o que é a minha mãe está a fazer? Estará demente?". Estamos a falar de uma criança que hoje, à despedida, me disse "mamã, podes ir embora" e foi dar a mão às meninas do quarto ano.

 

- Finalmente, provando que estou mais que apta a receber o prémio "Mãe de Praia 2010", consegui não entender nada de uma conversa com a dona do colégio e deixar a minha filha sem os amiguinhos durante quatro tardes seguidas. Portanto, recapitulando, no próximo ano lectivo a Mini vai ficar na mesma escola mas em instalações diferentes, acompanhando assim os amiguinhos dos últimos dois anos - o Pedro, as Sofias, a Laura, etc. A proprietário disse-me: "Depois da praia, eles já ficam na escola nova". O que é que eu percebi? Que eles só se mudavam em Agosto. O que é que ela queria dizer? Que depois de virem da praia, ao meio-dia, eles já ficavam na "escola dos grandes".

Agora, o que é que é verdadeiramente interessante aqui? A minha total incapacidade para compreender a minha filha. Sim, Madalena, podes dizê-lo quando fores mais crescida (mas só em tom carinhoso, ok?). Porque ela já me tinha alertado para este pormenor. Eu perguntava-lhe se ela tinha brincado com os amiguinhos à tarde, ela dizia-me "O Pedro foi embora... A Sofia foi embora...". E, pronto, eu pensava que eram os pais que os iam buscar mais cedo. Percebi ontem, que a fui buscar bem mais cedo, que não estava lá ninguém.É simpático da minha parte...

Crise

Podem mandar pedras à vontade porque eu daqui não saio: parece-me totalmente óbvio, evidente e necessário que o IVA e o IRS aumentem.
Fico lixada, claro. Quem é que gosta de pagar mais e receber menos?
Mas, igualmente, estou totalmente convencida que a culpa do que está a acontecer é de todos nós. Não é só dos governos, nem dos bancos.
É de nós que quisemos comprar casas aos vinte e tal anos, que temos dois carros, mais roupa e sapatos do que precisamos...

Consumimos demais, nem sequer nos perguntamos como é que certos produtos podem ser tão baratos (esses preços forma conseguidos à custa de que esforço?). Culpa de todos e não só dos governos, bancos e publicidade...

 

Posto isto, estou com um pó a este governo que já prefiro ouvir vuvuzelas a ter de levar com o primeiro-ministor José Sócrates. Como é que é possível que tenhamos chegado a este dia e ainda não se tenha dignado a apresentar um plano de corte nas despesas do Estado? Um que não pelo despedimento de funcionários públicos, sublinhe-se.

 

PS1. Se o resultado do Portugal 0 - 1 Espanha no Mundial 2010 tivesse sido diferente, o governo também teria usado a golden share na PT?

 

PS2. Ainda bem que fui ao Continente no início da semana. Livra!

Pág. 4/4

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D