Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quem sai aos seus

Um blogue para a Madalena, para a Teresa e para a Francisca.

Quem sai aos seus

Um blogue para a Madalena, para a Teresa e para a Francisca.

Macadamia

Daqui, com explicações detalhadas sobre os benefícios para a saúde.

 

Não devia ser permitido passar uma vida inteira sem comer isto ao natural e não apenas em gelados Häagen Dazs, por muito bons que sejam. A sério, o céu é isto: macadamia.

E antes que o dia acabe

Queria agradecer a todas - só miúdas, por acaso - que nos deram os parabéns via blog e incentivaram nesta aventura de mãe pela terceira vez. Adorei cada palavra.E tenho outra boa notícia: a Madalena já se esqueceu do nome Maria José (mãe leva a mão à testa em sinal de alívio). Mais difícil vai ser convencê-lo que o irmão, se for irmão (que eu tenho para mim que vai ser irmã), não se vai chamar Pedro.

"Quando a mãe era pequena"

 

Hoje é dia internacional do livro infantil e é da mais elementar justiça assinalar a data aqui. É mais difícil do que parece encontrar um bom livro para miúdos, facto de que me foi dando conta a minha amiga Joana, que hoje, precisamente hoje, anunciou ao mundo que se estreia nas "letras pequenas". O 'bebé' chama-se "Quando a mãe era pequena". Surrupiei a capa do blogue da própria.

 

Para o caso de terem pensado que era mentira

É verdade, é mesmo verdade. Há pessoas corajosas, ou irresponsáveis, depende da perspetiva, que vão pôr uma criança no mundo em pleno 2012, o annus horribilis da sociedade portuguesa. A meu favor posso apenas dizer que, embora ter um terceiro bebé não estivesse totalmente fora de questão, eu tinha pensado esperar pelo dia em que a ajuda externa bazasse. Não aconteceu e agora que já me fiz à ideia acho que o meu marido tem razão. "Isto vai ser mau para eles enquanto forem pequenos mas estamos a preparar-lhes um bom futuro". Estou a cruzar os dedos por isso. E, muito antes de tudo isso, que venha lindo, saudável e perfeitinho. Ele ou ela. O Cristianinho ou a Troika. Ou Maria José, que é o nome que a Madalena quer dar à irmã.

Pág. 6/6